Como tornar seu gatinho mais sociável?

 

Sabemos que existem felinos que não resistem à curiosidade e correm para farejar as novas pessoas. Mas o normal é que a primeira reação do nosso gatinho seja se esconder, especialmente se os convidados fazem muito barulho. O principal motivo pelo qual um gatinho possa ter ressalvas no seu relacionamento com seres humanos é a falta de sociabilização adequada durante os primeiros anos de vida.

 

Educar o seu gato desde pequeno é o segredo. Gatos aprendem até o final da vida porém quanto mais velhos, mais dedicação e paciência serão necessários. Devemos acostumar o nosso gato, desde que é filhote, a estar rodeado e a conviver com outras pessoas e animais. A melhor forma é educá-lo desde cedo tendo em conta a socialização, fazendo esforço para criar um gato cordial e confiante, dando-lhe afeto e contato positivo.

 

 

Utilizar o reforço positivo para o atrair e tornar a experiência mais positiva é extremamente importante. Envolver todos os membros da família nas atividades e exercícios é uma excelente ferramenta. Uma sugestão sempre é, inicialmente, acostumar seu gatinho a se alimentar em refeições regulares em horários específicos, calculando a quantidade ideal de ração por refeição por dia. Além de ser ótimo para saúde física do seu gatinho, outros membros da família também poderão colocar a ração para ele, de forma que ele associará pessoas como algo super positivo e será algo de grande valor para ele.

 

Ração úmida e petiscos secos também podem ser utilizados quando receberem visitas em casa porém lembrem-se: nunca devemos forçar nosso gatinho a nada. Tudo devemos fazer no tempo dele. O importante é ele se sentir em um ambiente calmo e seguro. Se for necessário, podemos afastar o pote de alimentação e ir aproximando aos poucos, sempre observando a linguagem corporal do seu gatinho.

 

O contato físico também é um excelente exercício, desde que seja sempre com amor. Isso melhora qualquer relação. Brinque com ele, desfrute da sua presença e deixe que ele desfrute da sua. Fale com ele, dê carinho e escove o seu gato para que se acostume ao contato sem se oprimir. Respeite o seu espaço de segurança e atraia o seu gato para perto de si com palavras gentis e coisas gostosas. 

 

Cuidado com as expectativas! Tenha paciência! Com dedicação e muito amor, verá como é gratificante e recompensador quando seu gatinho se tornar mais sociável e confiante consigo mesmo e com o ambiente que o rodeia. 

 

Precisa de ajuda? Conte com nossa equipe de especialistas clicando aqui!

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

Feromônios: A comunicação química dos gatos

August 3, 2019

1/10
Please reload

Posts Recentes